Tecnólogo pode assinar “projetos”?

É incrível a “richa” que existe entre engenheiros e tecnólogos… Os engenheiros se gabam da posição profissional e dizem que tecnólogos não podem assinar nada, que dependem deles pra tudo… Mas isso é verdade??? NÃO.

Vou contar uma experiência pessoal:

Eu, tecnóloga em Saneamento Ambiental, trabalho também com a elaboração de projetos ambientais. Já fiz vários MCE (Memorial de Caracterização do Empreendimento), Relatório de Controle Ambiental (RCA), Relatório de Monitoramento Ambiental, Plano de Controle Ambiental (PCA), Plano de Gestão Ambiental (PGA), enfim, até já participei de Estudo de Impacto Ambiental (EIA).

perícia ambiental, perito ambiental

Certa vez, eu fiz um MCE para uma indústria e, como na maioria das vezes (para este tipo de trabalho), assinei SOZINHA. A tal “briga” de poder dos engenheiros para conosco fez com que meu projeto fosse barrado. Ora, o projeto não tinha pendência nenhuma, todas as informações constantes no mesmo eram satisfatórias, mas julgaram que eu não poderia exercer aquele trabalho sem supervisão de um engenheiro, sendo que o próprio conselho de classe me permitiu tal atuação? Além do mais, minha ART estava devidamente registrada e OK.

Existe sim trabalhos que devem ser feitos em conjunto com engenheiros e, dependendo do projeto, há necessidade de muitos outros profissionais, como Advogados, Arquitetos, Arqueólogos, enfim. Outros trabalhos, porém, não necessitam de atuação conjunta, como é o caso do MCE.

Caso algum tecnólogo esteja em dúvida quanto à sua atuação, entre contato com seu conselho de classe (no meu caso, é o CREA).

Qual foi o resultado do meu caso? Eu consegui um ofício do CREA informando que “profissionais de Tecnologia em Saneamento Ambiental podem atuar na elaboração do MCE”. Portanto, isso abre precedente a quem tiver este tipo de problema.

Se você é Tecnólogo em Saneamento Ambiental em Goiás, saiba que você pode SIM fazer e assinar um MCE SOZINHO!

Sinceramente, por que não se juntam em prol da causa principal, que é o meio ambiente, ao invés de ficarem com tantas picuinhas? Acho que nessa brincadeira de “quem pode mais”, quem sai perdendo é o meio ambiente.


11 thoughts on “Tecnólogo pode assinar “projetos”?

  1. boa tarde regisllane!

    Saiba que acho interessante essa tal briga de poder para assinar ou não assinar projetos. Quando eu estava fazendo faculdade tinha um professor que se chamava Ewerton de Oliveira, ele dizia que todo mundo quer assinar projetos quando estão prontos. Ele sempre nos ensinava que isso é relativamente normal,e olha que tem engenheiro ruim e que não sabe de nada por ai,que só sabe assinar projeto.Deve se trabalhar com quantidade e qualidade pela execelencia da qualidade. Você está assistindo a implantação desse mega projeto que a Construção da Usina Hidreletrica de Belo Monte na Amazonia
    legal… abordando essa tal briga de poder veja as equipes multidisplinares que estão trabalhando nas LP,LI e Certamente nas LO, regisllane. Pega o projeto e veja se vai ter assinatura só de engenheiros lá tem biologo,quimico,bioquimico,tecnologo,técnicos em impactos ambientais,engenheiro florestal,engenheiro agronomo,topografo e outros e qual é o objetivo desses profissionais? é um só objetivo evitar o minimo de impactos ambientais possiveis.
    Com a tecnologia que nós temos hoje em dia poucos anos de faculdade não quer dizer muita coisas em assinar projetos. Respeito os bons engenheiros que tem nesse país também,mas que são poucos e não tem
    essa mentalidade mediocre do assinador de projetos. Estou aberto para critica e debates.. regisllane peço que você ponha essa mensagem no seu twiter, blog, facebook, orkut…
    José Rodrigues da Silva Souza Tecnologo em Gestão Ambiental registrado no CRA-PA Nº 6-0061.
    Abraços do amigo Rodrigues

    • É Rodrigues, você não deixa de ter razão. Depois do projeto pronto, todo mundo quer um pedacinho mesmo…
      Mas o que eu quis dizer aqui é que por causa de intriguinhas muitas atividades estão sendo barradas… Podiam todos se unir para fazer uma coisa boa.. No caso de projetos do tipo que você citou é ESSENCIAL a participação de vários tipos e profissionais e não excluo a necessidade deles, mas tem coisa que um tecnólogo tem habilitação para fazer sozinho e engenheiros querem sere mais e lutam para barrar.
      Concordo que todo serviço tem que ser feito com qualidade e no caso de não haver pendências no projeto e a ART deste ser aprovada pelo conselho não vejo porque prosseguir nesta picuinha…

      Obrigada pela participação.

  2. Regisllane,

    Você pôde recolher uma ART pois a sua formação (Tecnologo em saneamento ambiental) faz parte do escopo dos títulos profissionais fiscalizados pelo CREA. Vejam a tabela neste link http://normativos.confea.org.br/downloads/anexo/0473-02.pdf e vejam se sua formação está dentro destes. Caso não esteja, infelizmente, dependendo do projeto, só alguém dentro do escopo pode assinar. Se o projeto permitir RT do CRQ, tudo bem, se não, não.

    Abs.

    André S.

  3. Estou iniciando o curso agora 15 de junho. Meu curso é mais voltado para a área da gestão, porém temos disciplinas de hidrotecnia, topografia, drenagem urbana, geotecnia, materiais de construção, etc. A minha professora, que por sinal é formada em engenharia ambiental e ministra aula na disciplina de introdução às ciências ambientais, me informou que o tecnólogo em saneamento ambiental não pode projetar absolutamente nada. Eu questionei o porquê de não haver disciplinas de engenharia civil na matriz do curso como hidráulica e fenômenos dos transportes, e ela falou que, por não podermos projetar nada o CREA estava ”dando em cima das instituições” sobre essa questão de formar tecnólogos projetistas, já que não compete ao tecnólogo projetar. Alguém sabe dizer se é verdade isso? Minha instituição fica em Sergipe, Aracaju.

    • Boa tarde,
      O tecnólogo não pode fazer projetos específicos, porém pode fazer trabalhos como MCE, PCA, PGRSS, enfim… Eu realizei inúmeros projetos desse tipo e assinei todos, com ART e nunca tive problemas…
      Na verdade existe uma “briga” entre engenheiros e tecnólogos sobre a elaboração de projetos! O engenheiro acha que “pode tudo” e o tencólogo “nada” e, nesse sentido, o tecnólogo seria uma espécie de “subordinado ao engenheiro”… No entanto, te asseguro que como tecnóloga, sempre fiz todos os trabalhos, sendo ou não RT da empresa, assinado sozinha ou em conjunto.

      Não se preocupe.

  4. Cara Gislaine! Você teria como me direcionar algum programa que tenha modelos de MCE, PCA e PGRSS? Ficaria grato por essa ajuda.

    • Oi Fábio, não tenho programas e sinceramente não recomendo, pois cada projeto é único e deve ser elaborado exclusivamente para aquele empreendimento!

      • Olá Regisllane!!!

        Irei concluir (se Deus quiser), no final de 2017, minha graduação em Tecnologia em Saneamento Ambiental. Gostaria que me indicasse em qual site posso encontrar detalhadamente as atribuições do Tecnólogo em Saneamento Ambiental, pois, também quero trabalhar na área de projetos, principalmente com redes pluviais. Agradeço seu empenho em mostrar que Tecnólogos são capazes e competentes. Abraços.

        • Oi Antônio… Entre em contato com o CREA do seu estado. Eles podem te fornecer. Abraços.

  5. Boa tarde,
    Muito boa a colocação da colega, sou técnico em meio ambiente e com graduação como Tecnólogo em gestão ambiental, estou a nove meses em briga com o CREAES para que possa realizar minha anotação de título como tecnólogo, como realizei meu curso na modlidade EAD além de ser tecnólogo a discriminação por parte da entidade é ainda maior por ter realizado a minha graduação nesta modalidade, agora enfim parece que estou prestes a conseguir a anotação, graças ao apoio do sindicato de tecnólogos do estado caso contrário se tivesse ido para briga sem o apoio não conseguiria se quer protocolar meu pedido junto ao CREAES.

Deixe uma resposta para Regisllane Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


× dois = 4